Tempo mínimo para MEI solicitar aposentadoria

As regras para aposentadoria do Microempreendedor Individual (MEI) são diferentes das regras tradicionais de aposentadoria. Para se reformar, é necessário ter no mínimo 180 meses de contribuições através do DAS. Isso quer expor, ter pelo menos 15 anos de imposto e a idade mínima de 60 anos para mulheres e 65 para homens, atualmente. 

O valor da aposentadoria pago é de um salário mínimo mensal. O MEI faz uma imposto de 5% para o INSS, garantindo o recta à uma aposentadoria de um salário mínimo.

A imposto do trabalhador pode ser somada com outras contribuições, assim ele pode ter recta a um valor diferenciado de aposentadoria. Com isso, o MEI dispõe da opção de remunerar uma Guia complementar do DAS de até 15% para a previdência. Ao remunerar 20% (DAS + Guia Complementar), ele não irá perder a imposto caso feche o atual negócio e abra outro. 

Ao remunerar só 5%, a escrutínio zera. Assim, o que contribuiu no MEI baixado não soma com a imposto do novo, o processo começa a relatar novamente. Dessa forma, para prometer a aposentadoria basta remunerar mensalmente a guia DAS, com o tempo mínimo de imposto de 180 meses. Assim, o favor estará disponível quando inferir a idade correspondente, de congraçamento com o gênero. O empreendedor também pode se reformar por invalidez.

Para mais informações, o interessado deve entrar em contato com a Médio 135 do INSS.

Ser MEI

Ser Microempreendedor apresenta diversas vantagens financeiras e ainda é provável ter inúmeros benefícios. Porém, nem só de facilidades vive o MEI, existem algumas infrações que geram sérias penalidades. Você irá saber melhor esses descumprimentos a seguir:

  • Inadimplência;
  • Praticar atividades não válidas para MEI;
  • Não registrar um funcionário;
  • Preterição de receita.

Essa postagem foi útil para você?

Clique em uma estrela para classificá-la!

Classificação média 0 / 5. Votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar esta postagem.